Pin It

Como escolher a orquídea perfeita para a sua casa

como-escolher-a-orquideas-perfeita-para-sua-casa

Na hora de pensar em adquirir uma planta com flores para deixar a sua casa ainda mais bonita, é bem possível que muitas pessoas logo se lembrem das orquídeas, que são encantadoras e podem ser encontradas em uma grande variedade.

E é isso mesmo, são mais de 35 mil espécies, sem contar as híbridas, que também são variadas.

No entanto, antes de adquirir uma planta apenas considerando a sua preferência, é necessário saber se ela se adapta ao clima da onde você reside e se o seu lar possui o local adequado para que a orquídea se desenvolva em todo o seu esplendor. É importante saber como escolher a orquídea ideal para a sua casa.

Quando não se tem esse cuidado, corre-se o risco de você optar por uma espécie com o clima diferente da onde mora. Se isso acontecer, elas podem não florescer e até mesmo morrer. Por isso é importante saber como cuidar de orquideas.

Como hoje em dia se tornou cada vez mais comum morar em apartamentos pequenos, vale dizer que nesse caso o mais adequado é escolher espécies de pequeno porte.

Mesmo assim, é imprescindível que a flor conte com um espaço com janela ou mesmo na varanda, já que a boa ventilação é uma das necessidades de praticamente todas as espécies.

Outra exigência é que o local destinado receba ao menos algumas horas de sol, sendo que existem espécies que se contentam com o sol indireto. 

Desse modo, seguem as dicas para escolher as melhores espécies conforme a quantidade de luz que você dispõe para a sua orquídea:

Plantas que se contentam com menos luminosidade:

  • Phalaenopsis;
  • Ludisia discolor;
  • maioria das micro orquídeas.

Espécies que necessitam de muita luz indireta:

  • Cattleya;
  • Dendrobium;
  • Vanda.

Orquídeas que precisam de sol pleno e direto:

Outra dica para os iniciantes no cultivo de orquídeas é eleger as que exigem menos cuidados, a exemplos das seguintes espécies:

Dicas ao escolher a sua orquídea

Assim como é preciso adquirir uma orquídea de clima quente ou frio, de acordo com as temperaturas médias da sua região, e de avaliar o tamanho do espaço que você tem para ela, bem como o nível de luminosidade. Outro aspecto fundamental é ponderar se a planta que você encontrou está saudável.

Para tanto, confira as dicas a seguir:

  • Opte pelos exemplares com mais brotos, assim, são maiores as chances da orquídea florescer mais.
  • Não deve haver manchas nas suas folhas, tampouco devem estar murchas.
  • O ideal é que as suas raízes estejam brancas, caso estejam escuras, é sinal de que está mal cuidada, recebendo umidade em demasia. Além disso, não pode haver marcas na raiz, as quais indicam a presença de insetos.
  • O vaso da orquídea também deve estar em condições, o que significa não haver musgo nele, nesse caso, o seu substrato está velho. Caso fique com ela, não se esqueça de que a primeira coisa a fazer é trocá-lo, o que exige mudar a planta de vaso, sendo que os de barro são os mais adequados.

Você gostou desse artigo?

Quer aprender vendo na pratica como cultivar orquídeas em casa sem sofrer?

Então clique AGORA no banner abaixo e saiba mais!

Deixe seu comentário!